Zamioculca: saiba tudo sobre a planta que atrai prosperidade

A queridinha dos espaços internos e com sombra total é fácil de cuidar e na espiritualidade é utilizada para atrair a prosperidade

0

A zamioculca é a planta ideal para quem não tem luz solar direta, pouco espaço e que também se esquece de regar as plantas. Isso porque ela não cresce muito, não precisa de muita água, além de não precisar de sol. Além de tudo, é uma planta muito bonita que pode embelezar a sua casa com um toque de verde. Saiba como cuidar, dúvidas respondidas e mais informações.

Como cuidar de zamioculca

Este vídeo é bem completo e fala sobre tudo que você precisa saber antes de comprar a sua planta. Mas para facilitar, trouxemos as principais informações para a rotina de cuidados com as plantas. Veja a seguir onde colocar, a quantidade de regas, além de saber qual o o melhor adubo e também como identificar problemas e recuperar a zamioculca.

1. Onde colocar?

Para saber onde colocar qualquer planta é preciso conhecer o tipo de ambiente com o qual ela está acostumada em seu habitat natural. No caso das zamioculcas, elas são plantas de floresta tropical, ou seja, a partir disso já sabemos que elas gostam de bastante calor. Mas apesar de gostarem do calor, não suportam a luz do sol direta, já que são plantas pequenas que ficam embaixo de grandes árvores e arbustos. O ambiente ideal para as zamioculcas é um local bem iluminado, mas que não bata luz solar direta.

Além disso, os ambientes internos são os mais recomendados, já que a planta não atura chuvas fortes e nem ventos. Pense que o habitat natural dessa planta é bem protegido contra a força das chuvas e dos ventos. O local ideal para ela é perto de janelas, em ambientes com bastante luz natural, mas sem a luz solar direta.

2. Qual substrato utilizar?

As zamioculcas possuem raízes grossas e com batatas e quanto mais grossas as raízes forem, mais arejado e granulado o substrato precisa ser. Invista em casca de pinus, pedaços de carvão ou outros itens similares. Isso vai ajudar a arejar o substrato a respirar e não sobrecarregar nas regas.

3. Quantidade de regas

Antes de mais nada, é preciso que a planta esteja com o substrato adequado conforme você leu no item anterior. Também é preciso que o vaso tenha furos ou um bom escoamento de água. Essa planta acumula água em suas raízes e tende a encharcar com muita facilidade. No geral, as regas são feitas há cada 10 dias, mas há alguns sinais para se atentar. Não deixe o solo encharcar, mas também não deixe extremamente seco.

4. Qual o melhor adubo?

A zamioculca é muito exigente quanto à adubação. Devido a falta de sol, essas plantas precisam de muita matéria orgânica em seu solo para manter o verdinho e o brilho de suas folhas. O melhor adubo para elas é o NPK 10-10-10, um tipo de adubo rico em nitrogênio, fósforo e potássio.

5. Como recuperar?

Deu ruim na sua zamioculca? Regou demais e as folhas ficaram murchas e amareladas? Talvez seja possível recuperar! A melhor forma de fazer isso é replantar a sua zamioculca. Para isso, remova a planta do vaso, retire todo o substrato, separe bem as raízes e limpe. Depois, monte um vaso limpo com substrato novo e adequado e replante sua zamioculca.

Para que serve a zamioculca? Conheça o significado espiritual

imagem mostra zamioculca
(Foto: reprodução)

As zamioculcas são amplamente utilizadas por quem aplica o Feng Shui em sua casa. Isso porque quando colocada na entrada principal da casa ela atrai a prosperidade. Além disso, é uma planta que traz proteção para o lar e para as pessoas que moram nele. Ela é capaz de absorver as energias negativas e eliminá-las. Interessante, não é mesmo? Também é uma planta muito boa para ser colocada no quarto ou no ambiente de trabalho. Até mesmo no banheiro, desde que quem segue o Baguá (mapa do Feng Shui) se atente às recomendações para cada ambiente.

Dúvidas respondidas sobre a planta

imagem mostra zamioculca
(Foto: Unsplash)

Por fim, que tal solucionar as suas dúvidas sobre a planta? Afinal, antes de embelezar sua casa com uma planta nova é muito importante saber mais sobre ela. Especialmente se você tem filhos pequenos ou animais de estimação é importante saber se a planta é tóxica, além de mais informações para cuidar e manter sempre linda. Confira.

É venenosa?

Sim, a zamioculca é venenosa. Todas as suas partes são tóxicas quando ingeridas. Folhas, galhos e raízes são altamente tóxicos para crianças, gatos e cachorros. Portanto, se você tem crianças pequenas ou animais domésticos em casa é preciso repensar se quer mesmo ter essa planta. Se tiver, também existe a opção de deixar em um local alto e longe do alcance de crianças e animais domésticos.

Floresce?

Sim, a zamioculca dá flor! Embora não seja tão comum, na idade adulta e nas condições ideais de cultivo ela dá flores. No vídeo é possível conhecer a flor da zamioculca. Quando floresce é porque está sendo muito bem cuidada, além de já estar na idade adulta.

Por que a zamioculca chora?

Quando a planta está com pequenas gotículas nas folhas, como se estivesse transpirando ou chorando, é porque ela está passando por um fenômeno chamado gutação. Isso ocorre quando o solo está saturado com água e então a planta tem essa estratégia de eliminar o excesso de água a partir dos tecidos das folhas. Nelas há as glândulas hidatodes, que causam o efeito de transpirar. Se isso estiver acontecendo com a sua planta, deixe de regar por alguns dias. Mas se o problema persistir pode ser necessário replantar a zamioculca.

Qual o preço?

É possível encontrar zamioculcas a partir de R$35. Tudo depende do tamanho da planta e também da região em que você mora. Em locais mais frios pode ser difícil de encontrar, já que a planta gosta de calor. Mas no geral, em todo o Brasil é fácil de encontrar para comprar em viveiros. O crescimento da planta é bem lento, então é comum que as maiores custem em torno de R$60 até R$100. A planta não passa de 1 metro, sendo que para chegar neste tamanho são necessários 3 anos de cuidados.

Agora você já tem um guia completo para cuidar de sua zamioculca. Escolha o melhor ambiente, utilize as dicas para cuidar e embeleze sua casa com ela. Confira também quais cuidados ter com a samambaia, outra planta incrível para ambientes internos.

Nós usamos cookies e outras tecnologias semelhantes para melhorar a sua experiência em nossos serviços, personalizar publicidade e recomendar conteúdo de seu interesse. Ao utilizar nossos serviços, você concorda com tal monitoramento. Para mais informações, consulte a nossa nova política de privacidade. Tudo bem Mais detalhes