Chá de equinácea: para que serve, como preparar e contraindicações

O chá de equinácea é amplamente consumido para aliviar os sintomas de gripes e resfriados. Conheça os benefícios e saiba como preparar

0 59

O chá de equinácea é um ótimo tratamento natural para casos de gripes e resfriados. Essa planta possui propriedades anti-inflamatórias e antialérgicas, portanto, pode beneficiar quem está sofrendo de problemas respiratórios. O nome científico da equinácea é Echinacea spp., sendo que as espécies mais utilizadas são a Echinacea purpurea Echinacea angustifolia.

Raizes e folhas podem ser utilizadas para preparar o chá, mas as partes mais consumidas na infusão são as flores. Elas são cor-de-rosa, com o centro levemente pontiagudo e são facilmente encontradas em lojas de produtos naturais, feiras e até em supermercados. É possível encontrar a planta seca, fresca, em sachês e até mesmo em cápsulas. O preço pode variar muito, mas um frasco com cápsulas custa aproximadamente R$30, já as flores secas custam aproximadamente R$20 por 50g.

Para que serve

A equinácea, que também é popularmente conhecida como flor-de-cone, é principalmente utilizada para aliviar sintomas de gripes e resfriados. Mas também pode ser utilizada para tratar infecção urinária, candidíase, artrite, dor de dente, entre outros tipos de dor. Veja suas propriedades:

  • Anti-inflamatória;
  • Estimulante do sistema imunológico;
  • Anti-alérgica;
  • Antioxidante;
  • Antibacteriana;
  • Antimicrobiana;
  • Laxativa;
  • Cicatrizante.

O chá de equinácea pode ser utilizado para tratar diversos sintomas de doenças se consumido. Além disso, também pode ser utilizado concentrado em compressas e banhos para aliviar irritações alérgicas. No entanto, a orientação médica deve vir sempre em primeiro lugar. Apenas com ela é possível receber o diagnóstico correto e então tratar os sintomas com o chá.

Como preparar e tomar o chá de equinácea

(Foto: reprodução)

 

É muito simples preparar o chá. Você vai precisar apenas da planta seca e água, mas também é possível adicionar outras especiarias para complementar. O chá de gengibre, por exemplo, potencializa o efeito anti-inflamatório, ideal para tratar a dor de garganta. Além disso, muitas pessoas não gostam do sabor da equinácea, então é possível adicionar ervas e especiarias aromáticas. Veja como preparar.

  1. Ferva 1 xícara de água;
  2. Adicione 1 colher de sopa de equinácea e deixe em infusão;
  3. Espere amornar, coe e consuma.

Como tomar: o chá de equinácea pode ser consumido até 2 vezes ao dia para ter mais resultados. Não deve ser adoçado, mas pode acrescentar outras plantas ao chá para melhorar seu sabor amargo. Já as capsulas devem ser consumidas conforme as instruções na embalagem e também orientação médica.

Compressa de equinácea

Além do consumo do chá, também é possível utilizar a planta como compressa para aliviar dores e alergias de pele. Veja como preparar.

  1. Amasse a equinácea com um pilão até obter uma pasta;
  2. Umedeça um pano limpo com água quente;
  3. Aplique a planta e posicione o pano quente em cima da região afetada;
  4. Deixe até amornar e repita em outras regiões se necessário.

Contraindicações e efeitos colaterais

Apesar dos diversos benefícios, há contraindicações e efeitos colaterais relacionados. Devemos sempre lembrar que não é porque algo é natural que é completamente seguro para o consumo. Além disso, apesar dos tratamentos naturais serem muito efeitos, eles não substituem o diagnóstico e tratamento médico O chá de equinácea não deve ser consumido por quem possui alergias às plantas da família Asteraceae, bem como em pacientes com tuberculose, soropositivos, esclerose múltipla e colagenose.

Os efeitos colaterais podem surgir caso o chá seja consumido em grandes quantidades, mais que duas vezes ao dia. Náusea, vômitos, febre leve e passageira, agravamento de crises asmáticas e alergias podem aparecer. Além disso, o gosto não é muito agradável e pode permanecer na boca após o consumo.

Os tratamentos naturais podem ser muito benéficos quando utilizamos com cautela e não suspendemos a orientação médica. Confira também os benefícios do chá de guaco, outra opção ideal para tratar os sintomas de resfriados.

FONTE: Manuel Reis – Enfermeiro generalista, registrado como membro nº 79026 da Ordem dos Enfermeiros de Portugal.

Nós usamos cookies e outras tecnologias semelhantes para melhorar a sua experiência em nossos serviços, personalizar publicidade e recomendar conteúdo de seu interesse. Ao utilizar nossos serviços, você concorda com tal monitoramento. Para mais informações, consulte a nossa nova política de privacidade. Tudo bem Mais detalhes