Conheça 5 benefícios do chá de jasmim e aprenda a preparar

Amplamente utilizado pela medicina tradicional chinesa, o chá de jasmim possui efeito calmante e analgésico, entre outros benefícios

0

O chá de jasmim, além de muito aromático, também possui diversos benefícios. Amplamente consumido e recomendado pela medicina tradicional chinesa, esse chá é calmante e analgésico. É rico em antioxidantes e previne o envelhecimento precoce. Confira mais benefícios, saiba como preparar e as contraindicações do chá.

Qual o jasmim certo para fazer o chá?

O jasmim utilizado para o chá é o Jasminum officinalis, o mesmo que é utilizado para destilar óleo essencial. Popularmente, a planta é conhecida como jasmim branco, jasmim amarelo ou apenas jasmim. Mas cabe lembrar que há muitas plantas conhecidas por esse nome e por isso, é importante comprar pelo nome científico. Lembramos também que só é possível colher uma planta para o chá se houver a certeza de que é mesmo aquela planta. O jasmim para chá é encontrado em lojas de produtos naturais, feiras e também em lojas especializadas de chá.

Para que serve o chá de jasmim? Conheça 5 benefícios

Foto: Pexels

O chá de jasmim é amplamente consumido especialmente pelo seu efeito calmante e analgésico, mas também tem outros benefícios. É um chá consumido há milênios e apesar de ser muito relacionado com a tradição chinesa, sua origem é a Pérsia. Por isso, confira 5 benefícios desse chá.

1. Equilibra as polaridades yin e yang

O chá de jasmim é amplamente consumido como tratamento na medicina tradicional chinesa. Tem como função equilibrar as polaridades yin e yang, além de facilitar a circulação do Qi. Com isso, melhora a concentração, combate o cansaço e estimula o bom funcionamento da mente. É especialmente indicado durante a tarde, após o almoço.

2. Efeito calmante

As flores do jasmim possuem um efeito calmante, ideal para reduzir o stress e a ansiedade. No geral, esse chá é bastante benéfico para o humor, pois ajuda na produção de serotonina e dopamina.

3. É analgésico

O jasmim contém ácido salicílico, um composto presente em alguns medicamentos. O ácido salicílico atua como analgésico e é especialmente benéfico contra dores de cabeça. Além disso, também atua como antimicrobiano, prevenindo algumas doenças causas por microrganismos.

4. Antioxidante

O jasmim é rico em antioxidantes, especialmente polifenóis, que previnem e combatem inflamações no corpo. O consumo do chá, aliado com alimentação saudável e bons hábitos, aumenta a imunidade. Em casos de gripes e resfriados, o consumo do chá auxilia o organismo a se recuperar com mais facilidade.

5. Previne o envelhecimento precoce

Por conter antioxidantes, previne o envelhecimento precoce. Assim, mantém a pele saudável e jovem. Os antioxidantes combatem a ação de radicais livres e por consequência, o stress oxidativo.

Como preparar e tomar o chá de jasmim

cha de jasmim
Foto: Pexels

Agora que você já conhece os benefícios do chá, que tal aprender a preparar? É importante se atentar ao tempo de infusão para garantir os benefícios, além de garantir o sabor do mesmo. Por isso, siga essas instruções. E lembre-se de consumir o tipo de jasmim certo para obter os benefícios.

  1. Comece esquentando 250ml de água e quando começar a subir bolhas, antes de ferver, desligue o fogo;
  2. Em seguida, adicione 2 colheres de chá de flores de jasmim, tampe e deixe em infusão durante 3 minutos;
  3. Coe e consuma em seguida.

Os chás feitos com flores são bastante delicados e não devem ser fervidos. Além disso, o sabor pode amargar se o tempo de infusão for muito alto. Por isso, siga o passo a passo para obter os benefícios. O chá pode ser consumido até 3x por dia.

+ Chá de alfazema

Contraindicações e possíveis efeitos colaterais

O chá de jasmim pode causar contrações prematuras em gestantes, por isso, não deve ser consumido durante a gestão, salvo orientação médica. Em grandes quantidades pode provocar desconfortos gástricos e alergias, por isso, não consuma mais que 3 xícaras ao dia. Crianças e pessoas com doenças crônicas também devem ter orientação médica para o consumo. O consumo prolongado do chá, por mais de 20 dias deve ser acompanhado de orientação médica ou nutricional.

Outro possível efeito colateral se dá por conta da cafeína. As flores de jasmim não possuem cafeína, mas o chá é muitas vezes consumido junto com o chá verde, que possui. Portanto, não ultrapasse a quantidade de 3 xícaras ao dia, pois pode causar agitação e ansiedade, além de outros efeitos colaterais provenientes da cafeína.

Lembramos que mesmo que chás sejam naturais, não devem ser consumidos em excesso e não substituem o tratamento médico.

FONTES: Tua Saúde e Cuidaí.

 

Nós usamos cookies e outras tecnologias semelhantes para melhorar a sua experiência em nossos serviços, personalizar publicidade e recomendar conteúdo de seu interesse. Ao utilizar nossos serviços, você concorda com tal monitoramento. Para mais informações, consulte a nossa nova política de privacidade. Tudo bem Mais detalhes